Coreógrafo Residente

HENRIQUE TALMAH

Um dos mais conhecidos e requisitados coreógrafos da atualidade. Com formação acadêmica e especialização em dança moderna e contemporânea, da a ele o grande domínio das duas linguagens, proporcionando aos seus trabalhos uma movimentação muito particular. Premiado em diversos festivais como o Festival de Dança de Joinville e Passo de Arte, este último como “Melhor Coreógrafo” nos anos de 1999 e 2000. Recebeu “Destaque de Melhor Coreografia” pela crítica especializada do Festival de Dança de Joinville nos anos 1996 e 1999. Detém o prêmio de “Melhor Coreógrafo” do estado de São Paulo pela Promodança de 1995 até 1999. No ano de 2002, recebeu a premiação especial de “Melhor Grupo” do Festival de Dança de Joinville em 2008 e 2009, “Melhor Coreógrafo” dos Festivais: CBDD (2003), Festival da Arte de Dançar (2003 e 2004), Magic Dance (2004), entre outros. Já conquistou diversos primeiros lugares na categoria de clássico avançado no Festival de Dança de Joinville, consecutivamente nos anos de 2007, 2008 e 2009. Coreografou obras que representaram o Brasil em diversos países: Bulgária (Varna), Suíça (Lousanne), EUA (Jackson e Nova York) e Argentina (Buenos Aires e Córdoba) e China (Pequim).

Coreógrafo residente da Cia. Brasileira de Ballet desde 2003, mais recentemente em 2008, coreografou para a Fundação Theatro Municipal do Rio de janeiro, a convite da primeira bailarina Ana Botafogo, assinando as coreografias das operetas “O voô de Lindbergh” e “Os Sete Pecados captais” com música de Kurt Weill e texto de Bertold Brecht, com orquestra e coro do Municipal, regência de Roberto Minczuk e direção e Carla Camurati. Ainda em 2008 coreografou para a Escola do Teatro Bolshoi no Brasil, e para a Cia. de Dança de Ourinhos. Em março de 2009, estreou a peça “LvB 721”coreografada especialmente para o Ballett Hagen na Alemanha. Juntamente com o músico Vitor Araujo criou a peça ENTRE SEUS DEDOS, trecho do espetáculo TODOS OS CAMINHOS, com a Cia. Brasileira de Ballet – Ourinhos, no Teatro Carlos Gomes em setembro de 2009. Trabalhou também como assistente e coreógrafo das comissões de frente das escolas Portela, Mocidade Independente de Padre Miguel e Acadêmicos da Grande Rio.